5 de novembro de 2009



 INFORTÚNIO DAS PALAVRAS MAL (DITAS)

Quantas vezes chorei já nem sei perdi as contas,
Quantas vezes briguei com o mundo,
- Chora menina que chorar faz bem !
- Parar de chorar menino chorar é uma vergonha coisa de mulher!
Quantas hipocrisias ainda teremos que ouvir,
Lágrimas lavando almas!
Marcando o rosto, enrugando os olhos,
Cabelos negros ontem,
Hoje brancos de tantas lágrimas derramadas,
Que diziam que vergonha engole o choro homem não chora!
Coma as lágrimas, mastiga a dor,
Poe dentro do corpo que vai nutrir as próprias feridas!
Abertas, escorrendo líquidos quentes e amargos,
Como um rio aberto rumo ao cemitério das almas feridas.
Dos corpos abatidos, pelas palavras vulgares, fútil, inúteis que não confortam,
Chora, chora que lava a alma!
Chora não, faz isso não tu perdes a razão e a dignidade chorar é coisa de maricas!
Que ironia, eu choro e choro tanto que já transformei-me em lagos, rios, mares,
Sem tomar tento pra quantidade de tanta água desaguada,
Que lavava almas, e matava os corpos!
Hipócritas de vergonha, matar sentindo contrário das palavras!
Não por vergonha das lágrimas,
Mas por não encontrar respostas nas dores vividas inutilmente
Onde encontramos os remédios para esse mal!
Nos sonhos ou na evasão...
Ou será nas meias verdades, meia mentiras!
Meias vidas, hipócritas!
Estou no desabroche de ser um sendo dois depois de ser o que!

Céu

05/11/2209

9 comentários:

Céu disse...

Priscila Lisboa:

Pri, diga para ela que neste mundo existe uma pessoa que tem nas mãos carinho, amor e o pensamento em sua direção, sempre!

Céu disse...

Martin&Prisis

A tua beleza é minha beleza,
Que retratas na foto,
Nos espelhos,
A beleza não esta no nos olhos de quem vê,
Esta no olhos de quem ama.

Céu

Céu disse...

Estavamos conversando hoje cedo, e ele me disse que foi tentar por um recado pra ti no teu blog, mais não conseguiu, porque o pc dele está com vírus rsrsrsrs. Vim deixar o recado dele e a minha presença sempre sempre sempre contigo...Postei a Poesia do
Pri/Minha Àguia amada...
Silêncio ao som de Chico Buarque, Iolanda, fiz uma salada na Casa Da Lua de tudo que é sentimento junto...Muita honra em ter tuas palavras coloridas lá, mesmo sabendo da predominância deste mundo da ausência de cores...

ENORME beijo meu e do Martin
Estamos sempre contigo.

Lóviu

ςครค ๔ค lยค disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Céu disse...

Blogger Céu disse...

Estamos em construão...
Logo, logo...nos fundiremos com a noite, e nos perderemos nos encontrando, e encontrarei a luz que se esconde atrás das nossas almas, encontraremos saídas e muita luz no fim do tunel...

Pra vcs
Com amor...

Céu

ςครค ๔ค lยค disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ςครค ๔ค lยค disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Céu disse...

Hoje sinto-me devedora ainda mais da vida, que em meus debitos acrescente-me mais um, todos dizem é viver é fácil, quanta estupidez guarda em uma simples palavra, pode ser ate simples nunca simplória, a complexidade da vida é maior que qq tipo de experiência, estar aqui não é só estar aqui, é descobrir o que estamos e podemos fazer enquanto estamos aqui, nada é vão, nada é simplesmente "uma pedra no meio caminho"

Quarto amor, não guardo mágoas e sim lembranças de todos os sorrisos que a vida me deu, mas não posso fingir o que não sinto, mesmo tendo o que não sorrir, o que lembrar, porque lutar, por que viver, e por que chorar, e também porque tenho tanto a agradecer, sou credora de alguns coisas que nada paga, que nada explica pq aconteceu, mas aconteceu e sinto-me feliz em sabê-los aqui, voltados pra luz das estrelas, que estão e continuaram estrelares e eu apenas um vaga-lume perdido entre tantos outros que tentam ser apenas uma pessoa, a responsabilidade de saber-me entendida, compreendida, acariada, dar-me a sensação que o mundo foi construindo e distribuído pra que tanto outros como eu encontre-se em vários pontos do mundo, que entendem-se não só com palavras, já que as palavras é o produto final, existe pra explicar os pensamentos, e tenho certeza o amor não deve e necessariamente não precisa ser escrito com sangue...

Sempre estarei em um lugar onde sabem podem encontra-me..posso estar ausente por momentos, mas sempre volto, sei que não pro mundo como tantos desejam, mas pra vida e para o que ela nos reserva, quero partir com a certeza que o que vim fazer fiz com dignidade, amor e responsabilidade, por hoje meus querido doadores de amor e luz é mais que bastante, sinto-me agradecida demais pra não deixar essa lágrima escorrer plácida e agradecida sobre a minha face.

beijos nos dois que semeam amor e luz.

Céu

ςครค ๔ค lยค disse...
Este comentário foi removido pelo autor.