23 de junho de 2010


Tem dias que acordamos e tudo caminha pra dançar moonwalk do caminhos pra frente, nada, são dois passos um passo pra frente, sobram três pra trás, ai termino admitindo ele era genial, pois nem assim consigo parar, entendo-me entro e danço, ate não poder mais, retiro no suor todas as impurezas residuais e ajoelho em uma nuvem e danço no espaço em uma linha imaginaria, saio em busca de outros astros, estou fazendo um streep tease na minha alma, quem sabe agora alguém não nota-me...
... enfim!




TUDO EM MIM É UM ASSOVIO DESAFINADO
Tudo em mim,
É um assovio desafinado,
Tudo caminha em desalinho,
A margem dos rios,
Das ruas,
Vivo nos limites,
Do medo,
Do amor,
Da espera,
Em canaviais,
Em campo aberto,
Onde retiro o trigo,
Planto olho,
Canto aquela musica triste,
Oh! vento traga-me o som das harpas,
Mato o tempo,
Afogo todos os desejos,
Naquele rio onde nadava feita Sereia há tanto tempo,
Curvo-me diante do esplendor da mata,

 Sou a águia que sobrevive ao sol,
Meu coração é um príncipe que abdicou do trono
Como ousas pedir-mes paciência,
Meu corpo esta com fome,
Meu coração bombeia agitado um sangue quente em burburinho,
Minhas artérias pulsam,
Meus pensamentos estão cheios de raios,
Relâmpagos explodem desvairados,
Aqui dentro de mim,
A paz
É só um pensamento
Tem fome
É voraz,
É veneno...
Céu
24/06/2010

2 comentários:

formaxima.com disse...

Célia passei para conhecer seu blog ele é not°10, show, espetacular desejo muito sucesso em sua caminhaa e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom
Ass:Rodrigo Rocha

Céu disse...

Obrigada Rodrigo vc é um amor...