28 de abril de 2010

ALÉM DOS SONHOS


Nos espelhos d'água,
olho
E
Pesco 
Meus sonhos
E
Escrevo minhas
POESIAS
Não tenho linha 
Nem anzol
Apenas
A
Linha

Do

Infinito...
Horizontes,
Mar,
A
Musica
Faz a alegria
Os 
Sonhos...
Ah!... Os sonhos

Eles se vão!
Enquanto eu os pesco...
Ou
O pego nas mãos 
Dos meus pensamentos
Na poça d água
Eu piso
Pesco
O Sonho.
E a ti dou de presente,
O sonho, os meus pensamentos, a musica, a pesca, o anzol, a linha, o infinito...
E penso tudo pode dar certo,
O
INFINITO
EU/TU
NÓS.
Céu
29/04/2010

4 comentários:

Carlos Rímolo disse...

Querida amiga e poetisa!!!!
Perdoa-me a invasão. Peguei seu Blog. na página de uma amiga comum. Seu blog. esá lindo e seu conteúdo maravilhoso. Se me permitir, voltarei outras vezes. Quanto a sua poesia, é belíssima. Adorei. Meus parabéns!!!!!!!!!!!!

POETA CIGANO - 01/05/2010

carlosrimolo.blogspot.com

martin disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Céu disse...

Carlos seja sempre bem vindo, tbem fui ao seu blog lindíssimo amigo, é a humildade que nos torna gigante, tens uma sensibilidade aflorada em todos os sentidos, muito bom conhecer seu blog e dele ser umas das seguidoras... entre e sempre fique a vontade...
Abraços

Céu

Céu disse...

Meu querido Martin...

Que bom encontrá-lo mais uma vez, sabes que sempre podes entrar e que faz falta por aqui...
É bom entrar aqui e encontrá-los, meu coração e meu olhar sempre ficam em festa...
Beijo-os com muito AMOR....

Obrigada pelos elogios vindo de vc é sempre um honra...